Você sabe quando usar gelo ou compressa quente para diminuir dores?

Professor da Faculdade Inspirar dá dicas de como agir após contusões sofridas com os exercícios físicos

Woman applying ice pack to knee, (Close-up)Os exercícios físicos estão entre as atividades mais recomendadas quando o assunto é o cuidado com a saúde. Entretanto, o que muitos atletas amadores desconhecem é que, em alguns casos, o treinamento sem a orientação de um especialista pode causar vários tipos de lesões. E com elas, é preciso saber como amenizar as dores e os danos musculares, ou seja, saber como agir durante os primeiros cuidados das regiões contundidas.
Para o fisioterapeuta e professor da Faculdade Inspirar, de Curitiba (PR), Álvaro Wolff, é necessário ter cautela na hora de praticar atividades físicas, pois “No futebol, por exemplo, temos as torções de joelho e tornozelo, que podem produzir desde dor de pouca intensidade e inchaço local às lesões mais graves, como a ruptura do ligamento cruzado anterior do joelho, que necessitará de cirurgia”, exemplifica o professor.
O fisioterapeuta afirma que, em casos de lesão durante atividades físicas, é importante a realização de uma avaliação e um diagnóstico fisioterapêutico, já nos traumas agudos com menor gravidade, o resfriamento da região, nas primeiras 72 horas, reduz a resposta inflamatória produzida pela lesão após o choque. “Agir rapidamente nessas situações ajuda a diminuir as possibilidades de inchaços e, consequentemente, dores. Recomendamos um método chamado REGECE para essas situações, que significa RE – repousar a parte lesionada; GE – colocar gelo; C – proporcionar uma leve compressão sobre a região; e E – elevá-la para facilitar a circulação”, orienta.
De acordo com Wolff, na fase inicial do tratamento, que pode ser realizado em casa, o tempo de permanência da compressa de gelo varia de acordo com região lesionada. “O resfriamento da região contundida pode ser feito de 10 a 20 minutos a cada hora, porém, existem outros fatores, como o tamanho da articulação e o tecido adiposo presente, que podem aumentar ou diminuir esse tempo”, salienta.

Quando usar compressa de água quente?
Segundo o especialista, o uso de compressa quente deve ocorrer em situações consideradas crônicas, onde há a formação de edemas após as lesões. “Aquecer as regiões lesionadas é uma opção válida para diminuir hematomas gerados pelos traumas, além de melhorar a circulação do sangue nessas regiões”, afirma.

Sobre a Faculdade Inspirar
Com 16 anos de atividade, a Faculdade Inspirar é uma das mais importantes instituições nacionais dedicadas à educação continuada na área da saúde e já promoveu mais de três mil cursos de extensão e 200 turmas de cursos de pós-graduação. Somando-se os cursos de Extensão e Pós-Graduação Lato Sensu, a Inspirar já formou mais de 18.000 alunos.
Mais informações pelo site www.inspirar.com.br

JC Limeira - Todos os direitos reservados 2016 | Desenvolvido por FMTurati WebDesign