Vacinação contra HPV tem início em Limeira

DSC_4542aA Prefeitura de Limeira iniciou na manhã desta segunda-feira, 10 de março, a vacinação contra o HPV. Foram vacinadas 28 meninas, de 11 a 13 anos, do Colégio Barão de Limeira. Todos os pais aprovaram a campanha e não houve apresentação de nenhum termo de recusa.
A estudante T., de 11 anos, estava um pouco apreensiva antes de tomar a vacina, mas apoiou a iniciativa. “Será bom para a nossa saúde”, disse. Já a aluna A., de 13 anos, acredita que a vacina é um grande avanço da Medicina. “Nunca houve uma vacina contra o câncer”, explicou.
Outra estudante, S., de 12 anos, falou que a vacina é importante porque protege o organismo contra uma doença muito grave. A mãe de S., Heloísa Helena Zanetti, de 36 anos, tem motivos de sobra para incentivar a vacinação da filha. Ela descobriu recentemente um câncer do colo de útero, mas como a doença foi diagnosticada ainda no início, já está curada. “Sempre converso com minha filha sobre a saúde da mulher. Quando soube da campanha, minha filha estava com receio, mas expliquei sobre a importância desse tipo de prevenção. As crianças estão amadurecendo muito rápido, por isto, eu apoio essa iniciativa”, comentou.
Segundo a auxiliar de enfermagem da Vigilância Epidemiológica, Terezinha de Jesus Ribeiro, a vacina praticamente não apresenta efeitos colaterais. “Às vezes, o local da aplicação, que é feita no braço, fica um pouco dolorido e pode aparecer vermelhidão. Se houver a formação de caroço, os pais podem colocar um pouco de gelo”, esclareceu.
A Vigilância orienta que as alunas devem levar a carteira de vacinação. Quem não tiver esse documento no dia receberá um “comprovante de vacinação”. A estudante que faltar à escola no dia da aplicação da vacina deve procurar o Centro de Saúde (antiga UBS) mais próximo.
A vacinação da primeira dose prosseguirá até o dia 10 de abril. Ao todo, serão vacinadas 7.800 alunas. Nesta terça-feira, 11, será a vez do Colégio São Benedito ser atendido com o serviço de prevenção. Ao todo, serão oferecidas três doses da vacina. A segunda dose será aplicada após um intervalo de seis meses, e a terceira, cinco anos contados a partir da primeira administração da vacina.
A vacina contra o HPV, denominada vacina quadrivalente recombinante contra o papilomavírus humano, protege o organismo contra quatro sorotipos de HPV: 6,11, 16 e 18, atuando na prevenção do câncer de colo de útero.

JC Limeira - Todos os direitos reservados 2016 | Desenvolvido por FMTurati WebDesign