TRT-15 inaugura novo Fórum do Trabalho após parceria com prefeitura

Foto Adilson Silveira (2)O TRT-15 (Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região) inaugurou nesta segunda-feira, 25 de maio, a nova sede do Fórum da Justiça do Trabalho de Limeira. A mudança de local foi possível graças a uma parceira com a Prefeitura de Limeira, responsável pelo investimento em metade dos valores de aluguéis do imóvel, instalado na rua Henrique Jacobs, 2.040, bairro Campos Elíseos.

Para a abertura do fórum, o prefeito Paulo Hadich e o presidente do TRT-15, desembargador Lorival Ferreira dos Santos, descerraram a fita inaugural para que advogados e servidores conhecessem a estrutura, instalada seguindo as orientações do próprio Tribunal. Em Limeira, a Justiça do Trabalho concentra 6.360 processos, conforme dados de janeiro do TRT-15. Os prazos processuais estavam suspensos desde o último dia 11 e voltaram hoje a correr normalmente.

Segundo Hadich, o convênio com a prefeitura foi possível após reuniões com o presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de Limeira, Ozeias Paulo de Queiroz, que mostrou a necessidade da Justiça do Trabalho contar com um novo prédio no município. O antigo, na avenida Costa e Silva, apresentava problemas estruturais e de segurança e era alvo de reclamações da população e da comunidade jurídica. “Este novo prédio dará conforto especialmente à população que busca a justiça e mostra que nada se faz no poder público sem a união e os esforços de todos os entes federativos e a sociedade”, afirmou.

O presidente da OAB de Limeira agradeceu ao prefeito e ao presidente do TRT-15 pelo novo fórum trabalhista e disse ser um “sonho realizado”. “A prefeitura teve uma participação fundamental neste processo e aumentou a sua contrapartida. Quando conversei com o presidente do TRT-15, entrei em contato com o prefeito Paulo Hadich para verificar a possibilidade dessa parceria na proporção de 50% do aluguel e o prefeito se comprometeu com a OAB neste sentido”, relatou Queiroz.

Para o presidente do TRT-15, a busca da comunidade e da OAB para a questão da Justiça do Trabalho de Limeira foi fundamental, resultando no novo espaço, com 2.500 metros quadrados e estacionamento próprio. “É um privilégio inaugurar este belo espaço físico. Tenho certeza que a autoestima de todos irá melhorar de sobremaneira e teremos além de duas salas de audiência uma para ser destinada a um núcleo de execução”, declarou.

CONCILIAÇÃO

Conforme Santos, os processos de execução devem ter prioridade. “Não basta termos uma sentença se ela não for executável. Mas é preciso buscarmos também a conciliação, que deve ser valorizada. No TRT temos os centros integrados de conciliação e queremos que isso se espraie pelo âmbito da 15ª região.”

O juiz titular da 2ª Vara do Trabalho de Limeira e presidente da Amatra XV (Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 15ª Região), Luís Rodrigo Fernandes Braga, acompanhou a evolução da Justiça do Trabalho na cidade e também afirmou que o objetivo é transformar um ambiente de litigiosidade em solução de conflitos. “Esperamos muito mais consenso agora entre as partes e que possamos usar esta estrutura como um catalisador de pacificação.”

Outro projeto do Tribunal é para que haja a contratação de mais servidores. A proposta está em análise no Congresso e prevê a abertura de 973 cargos no âmbito da 15ª Região.

O diretor do Fórum da Justiça do Trabalho de Limeira, Renato Carvalho Guedes, elogiou a estrutura e afirmou que a união de esforços entre Tribunal, juízes, advogados, prefeitura e toda a comunidade de Limeira mostrou que a solidariedade é a marca deste novo prédio.

 

 

JC Limeira - Todos os direitos reservados 2016 | Desenvolvido por FMTurati WebDesign