Monte Verde – A Vila dos Romances

DSC00695
Gustavo Arrais, Silvia Urias e Sarah Ribas

A convite da AHPMV – Associação de Hotéis e Pousadas de Monte Verde, estivemos visitando a belíssima cidade de Monte Verde.
Ficamos hospedados no Hotel Cabeça de Boi – que recebeu neste ano o certificado de Excelência pela TripAdvisor e fomos recepcionados pela querida jornalista Sarah Ribas que nos levou a alguns dos famosos picos e ao centro da cidade, que oferece muitos atrativos aos visitantes: a rica gastronomia, as famosas trutas, fondues, apfelstrudels, raclettes, queijos, chocolates, cervejas e vinhos artesanais.

Tivemos também um descontraído bate papo com o dinâmico Gustavo Arrais, presidente do Circuito Turístico Serras Verdes do Sul de Minas e um dos presidentes da AHPMV , que nos contou dos progressos que tem sido feito em Monte Verde e nas cidades que fazem parte do Circuito; do avanço do Turismo das Montanhas, que a cada dia vem atraindo mais pessoas que querem agregar as férias ou finais de semana, além do descanso, um pouco de aventura, e Monte Verde, com seus picos, trilhas e cascatas é a escolha certa! Mas segundo Gustavo, uma das coisas mais importante, além de oferecer conforto e comodidade é a preservação da natureza, por isso Monte Verde ainda mantém suas ruas de chão batido.

Suiça brasileira

Os costumes trazidos pelos primeiros moradores, o casal letão Verner Grinberg e Emilia Grinberg (O sobrenome da família deu o nome a cidade: “Grin” Verde e “Berg”, Monte) e pelos letões, alemães, suíços e italianos que foram chegando depois, também colaboram para o ‘ar europeu’ que se respira em Monte Verde. Mas a vila tem personalidade e sotaque próprio. A hospitalidade, por exemplo, é típica do povo mineiro. Basta ir a uma das casas de chá ou entrar em um dos pontos de venda de queijos e vinhos, localizadas na principal avenida da estância, para ter certeza que o clima pode ser suíço, mas o prazer em receber é do autêntico mineiro.
No inverno, os termômetros registram temperaturas negativas. Seu ponto mais alto, o Pico do Selado, fica 2.083 metros acima do mar. Com paisagem de serras, cascatas e araucárias, a vila oferece também a oportunidade de prática de esportes de aventura.
Monte Verde, a Vila do Romance, é o mais importante destino turístico do Circuito Serras Verdes, possui infra-estrutura turística, com excelente rede hoteleira e variado comércio.

Boas razões para visitar Monte Verde

Os Picos

O ar puro, delicioso e leve está garantido em todos os meses do ano, graças aos 1.800 metros de altitude
– A fauna e a flora são exuberantes. Beija-flores, dezenas de espécies de coloridos pássaros, esquilos, graciosos bambis, as surpresas não param. As flores de Monte Verde são únicas.
– O visual oferecido pelas montanhas é lindo e relaxante, convidando para gostosas caminhadas por agradáveis trilhas.
– Passeios a cavalo, charrete e moto são ideais.
– Para quem gosta de boa comida, Monte Verde é um prato cheio! Cozinha mineira, alemã, criação de trutas, doces e chocolates maravilhosos. O ambiente é propício para um bom apetite!
– O frio gostoso garante lareira para todas as noites do ano, fondues, um bom vinho, uma boa companhia..
Finalmente, o grande motivo para se visitar Monte Verde: é, sem dúvida, um dos lugares mais lindos do Brasil!
Tem 4 picos principais, Chapéu do Bispo, Pedra Redonda, Mirante, Pedra Partida, todas acima de 2000mts, os passeios variam de 1 a 3 horas, podendo ser sozinho ou acompanhado de guia.

HOTEL CABEÇA DE BOI

O Hotel Cabeça de Boi tem muitas opções de hospedagens: Chalés e apartamentos que dispõem de todo o conforto necessário para uma estada tranquila e confortável. Os chalés são completamente equipados com lareira, rede na varanda com vista para o parque, TV a cabo, frigobar, telefone.
As crianças são o forte do Cabeça de Boi. Não basta aceitar crianças tem que gostar de hospedá-las. Com uma grande equipe de monitores especializados, oferecem atividades o dia todo, passeios, gincanas e brincadeiras sem parar. Sem contar oficinas de arte, futebol no final do dia, cavalgadas, ginásio iluminado e muito mais. Também tem uma copa para os bebês, bem como um baby room para os nenês, desta maneira deixando os pais um pouquinho livres para aproveitar nas noites de sábado o fondue a luz de velas.
Pista de patinação Ecológica – Hotel Cabeça de Boi oferece exclusivamente aos seus hospedes uma pista de patinação com todos os equipamentos necessários: Patins italiano com bota que protege o tornozelo, cotoveleira, capacete, munhequeira, além de instrutores treinados. A pista de patinação foi fabricada na Alemanha com tecnologia que não usa gases (tfp) que destroem a camada de ozônio, nem usa nenhum tipo de produto químico sendo um material ecologicamente correto.
5 refeições por dia – (Finais de semana, alta temporada, feriados e férias de Janeiro e Julho) , café da manhã colonial com uma infinidade de bolos, biscoitos, ovos e omelete feito na hora, frutas, sucos e doces. No almoço um forno a lenha com as mais deliciosas comidas típicas mineiras, mais mesa de saladas e frios, mesa de frutas, diversos tipos de sobremesas como tortas e doces caseiros. Lanche da tarde com bolos, pão de queijo quentinho, sucos e chocolate, biscoitos e petiscos. No jantar de sábado fondue a luz de velas, fondue de chocolate com frutas, truta com amêndoas e no final da noite sopa bem quentinha.
Aceitam cachorro e pequenos animais, porém na hora da reserva, verifique as condições para o seu amiguinho.

Hotel Cabeça de Boi
Rua da Mantiqueira 1237 – Monte Verde / MG
www.hcboi.com.br –  Telefone – (35) 3438.1311

JC Limeira - Todos os direitos reservados 2016 | Desenvolvido por FMTurati WebDesign