Câmara de Limeira prorroga CPI do SAAE por 90 dias para apurar obras

Comissão investiga supostas irregularidades no serviço de água e esgoto. Conforme o presidente, foram encontrados ‘indícios de problemas’ até agora.

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara de Limeira que apura supostas irregularidades no Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) será prorrogada por 90 dias. O prazo inicial para encerramento das investigações terminaria no domingo (28), mas a comissão ainda não verificou os contratos de obras que somam cerca de R$ 10 milhões.
De acordo com o presidente da CPI, vereador Wilson Nunes Cerqueira (PT), desde o início a intenção era investigar os gastos do SAAE com combustíveis, publicidade e também as obras. Até agora, no entanto, somente os dois primeiros itens foram avaliados pela comissão.
“Dividimos os trabalhos em partes e vamos começar a analisar as contratações das obras, que são maiores e mais importantes. Por isso precisamos fazer a prorrogação por mais três meses”, afirmou Cerqueira.
Balanço parcial
A CPI ainda não tem relatório com conclusões sobre as investigações, mas o presidente da comissão disse que os vereadores identificaram “fortes indícios” de irregularidades tanto nos gastos com combustíveis quanto nas despesas com publicidade.
“Tudo indica que os veículos eram abastecidos sem controle e, em relação à publicidade, não foram encontrados, por exemplo, informações sobre os responsáveis pela produção dos materiais publicitários”, disse o petista. Fonte G1

JC Limeira - Todos os direitos reservados 2016 | Desenvolvido por FMTurati WebDesign